quarta-feira, 19 de outubro de 2011

CHIA UMA SEMENTE QUE ELIMINA GORDURA




A CHIA é uma semente originária do México, riquíssima em ômega 3, o que a torna um bom aliado protetor do coração e do cérebro. O ômega 3 tem ação benefica em problemas cardiovasculares, estados depressivos, inflamação, doenças auto-imunes, diabetes mellitus, triglicerídeos,osteoporose entre outros.

E como são isentas de glúten, são uma excelente opção também para celíacos.

COMPOSIÇÃO
As sementes de chia são ricas em antioxidantes, cálcio, ferro, fósforo, selénio, potássio e magnésio. São ainda uma boa fonte de proteínas, apresentando todos os aminoácidos essenciais, e de fibras solúveis e insolúveis.

Análise nutricional (por 100g):
Energia: 2471 KJ / 595 Kcal
Proteínas: 16g
Hidratos de carbono: 44g
Lípidos: 31g

Ela possui:
8 vezes mais ômega 3 do que o salmão
12 vezes o próprio peso: é o que ela absorve de água
3 vezes mais ferro do que o espinafre
6 vezes mais cálcio do que o leite integral
15 vezes mais magnésio do que o brócolis
2 vezes mais potássio do que a banana

BENEFÍCIOS:

Saciedade: possuem sementes mucilaginosas, ou seja, ricas em fibras que formam um gel pectinoso incolor ao entrarem em contato com a água, tornando a digestão torna-se mais lenta e causando saciedade.
Reduz colesterol: devido a ação das fibras sobre o colesterol exógeno ( da dieta)
Combate inflamação:  a gordura excessiva causa um processo inflamatório no organismo, onde agem liberando citocinas inflamatórias agravando ainda mais a inflamação, com isso o organismo deixa de enviar mensagens de saciedade ao cérebro. A partir daí o individuo começa a apresentar uma fome descontrolada. O ômega 3 presente  na chia, na linhaça e no óleo de peixe combate essa inflamação, auxiliando na perda de peso.
Auxilina na formação óssea: devido a presença de cálcio
Auxilia na imunidade: devido a presença de vitaminas e ômega 3  
Desintoxica: a fibra auxilia na regulação do trânsito intestinal, eliminando as toxinas por meio das fezes.
Controla a glicemia: devido a fibra e a ação do ômega 3 sobre a resistência insulínica
Auxilia no controle da azia: Ajuda a absorver o excesso de ácido. Para isso é necessário consumir 1 colher de chá de sementes de chia dissolvidas durante alguns minutos num pouco de água.
Auxilia no controle da pressão arterial: devido a sua composição de minerais.

COMO CONSUMIR

Para consumir as sementes basta misturá-las, inteiras ou moídas, em muesli, iogurtes, saladas, batidos, sopa, pratos de massa ou água.
Moídas podem substituir uma quantidade da farinha em receitas de pão, biscoitos ou bolos.
Pode ainda misturar uma colher de sopa de sementes a 250 ml de água (aumentam cerca de 9 vezes o seu volume), deixar repousar uns minutos e beber simples, misturado com sumo de limão ou com batidos de frutas.
Pode também usar as sementes dissolvidas em água em algumas receitas como substituto do ovo.
As sementes de chia, ao contrário das de linhaça, não precisam ser cozidas ou moídas para se usufruir dos seus nutrientes, pois são facilmente digeridas.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

ORIENTAÇÕES PARA HIGIENIZAR HORTALIÇAS E FRUTAS


Olá pessoal estava de férias por isso me ausentei um pouco do site, mas já retornei e como presente segue algumas orientações para higienizarmos corretamente as hortaliças e frutas e com isso proporcionamos uma segurança maior ao consumirmos estes alimentos. Obrigada e aproveitem...

Atenção: as hortaliças que vão para cocção ou as frutas que não comemos a casca não necessitam passar por tais procedimentos.

1)PARA REMOVER 90% DOS AGROTÓXICOS, ESSA TÉCNICA É MUITO BOA PARA OS MORANGOS.

Lave os alimentos em água corrente, depois coloque 1 colher de sopa de bicarbonato de sódio com 1 litro de água em um recipiente e acomode os alimentos, deixe por 40 minutos. Em seguida lave os alimentos em água corrente, removendo toda a solução para não reagir o bicarbonato com o vinagre para não perder o efeito.
Depois em outro recipiente colocar 1 colher de vinagre em 1 litro de água e deixe por mais 40 minutos, retire e enxágüe.

2) PARA ALIMENTOS ORGÂNICOS: ELIMINA A MAIORIA DOS MICROORGANISMOS PRINCIPALMENTE A  E.COLI.

Lave os alimentos em água corrente depois coloque em um recipiente com 1 colher de peróxido de hidrogênio(encontrada em farmácias de manipulação) em 1 litro de água, se precisar dobre a medida. Deixar por 30 minutos e enxague bem em seguida .

3)PARA OS DEMAIS ALIMENTOS, TÉCNICA DE CUSTO BAIXO, FÁCIL E EFICAZ, ELIMINA OS MICROORGANISMOS

Lave os alimentos em água corrente depois coloque em um recipiente com 1 colher de água sanitária em 1 litro de água, se precisar dobre a medida. Deixar por 15 minutos para folhas e 20 minutos para as frutas.

 Lembrando que a maioria das donas de casa, usam somente o vinagre para higienização, o vinagre é eficaz apenas para bactérias e não para os microorganismos mais perigosos, por isso é importante uma boa orientação.

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

APRENDENDO A SE REEDUCAR



Costumo falar para meus pacientes logo na primeira consulta que perder peso na maioria das vezes é fácil, difícil é manter o peso que perdeu. Quando pensamos em reeducação alimentar achamos que é só seguirmos uma dieta e pronto, mas é a partir daí que você deve aplicar tudo o que aprendeu durante o emagrecimento. Aí você descobre que não é só a reeducação alimentar que vai te ajudar, você precisa se encontrar em meio a um turbilhão de emoções que esta vivendo, sentindo ou passando. Muitas vezes você vai querer comer compulsivamente devido a uma situação que estão ocorrendo na sua vida, um estresse etc.
Precisamos pensar para comer(nada de exageros para não desenvolver um transtorno alimentar), mas pensar no que o alimento pode te proporcionar a curto, médio e a longo prazo.
Tem um frase que diz  "Quando a BOCA se CALA o corpo FALA, quando a BOCA FALA o corpo CALA" , então para que ocorra a perda de peso e você consiga atingir o seu objetivo você precisa mais do que só alimentação. Você tem que ter equilibro, conquistá-lo e pra isso precisamos de DETERMINAÇÃO e NÃO DESISTIR NUNCA DE VOCÊ !!! 

Você pode ter todos os tipos de problemas, decepções, frustrações, ataques de gula, caída, recaída. Mas o importante é entrar e sair rapidamente da dieta. Errar e acertar, e não ficar só errando sempre na alimentação até ela se converter em quilos de gordura.
É importante ter uma boa proporção de tecido adiposo (gordura) em relação ao tecido muscular quanto maior for a proporção de músculos em relação a gordura maior será o gasto energético basal(calorias que perdemos em repouso), pois a massa muscular necessita de mais energia para se manter, mas nada de querer ganhar músculos em exagero e nem do dia para a noite, isso pode não ser saudável.

Quais alimentos não podem faltar no primeiro mês da perda de peso?
·         Alimentos ricos em cálcio: (vegetais escuros, tofu, semente de gergelim, semente de girassol) também contribuem para a perda de peso, pois o cálcio induz o aumento da lipólise (quebra de gordura)
·         Consuma fibras: As fibras aumentam o tempo de digestão, e proporciona
·         Ômega-3: Por ser antiinflamatório o ômega-3 aumenta o nosso metabolismo basal
·         Gengibre: Aumenta o metabolismo em 20%, e ainda:
  • Pimenta Vermelha
  • Chá verde
  • Couve
  • Brócolis
  • Laranja
  • kiwi
  • Café sem açúcar
  • Chocolate amargo
  • Linhaça
  • Vinagre
  • Acelga
  • Aspargo
Faça Exercícios
Não Pule Refeições
Durma Bem
E beba água gelada: nosso organismo precisa de água para quase todas suas funções básicas e com pouca água o metabolismo demora mais para gastar as calorias. Quando ingerimos água gelada, nosso organismo precisa gastar mais energia para regular a nossa temperatura corporal.

quinta-feira, 28 de julho de 2011

DICA PARA COMPRAR LEITE FERMENTADO


O leite fermentado, deve ser comprado com até 21 dias da data de fabricação pois os lactobacilos são muito sensíveis e morrem no final deste prazo.

terça-feira, 26 de julho de 2011

Dicas para não perder massa muscular


1-Vá com calma nos aeróbios
Um dos fatores que pode causar uma perda de massa magra, quando não bem planejado, é o excesso de exercícios aeróbios, pois gasto calórico excessivo, facilita a perda de músculos;
2- Capriche nos treinos de musculação (ou com pesos)
Os treinos de resistência (com cargas) são os mais eficientes para quem deseja aumentar os músculos, então, seja frequente neles. Não tenha preguiça, vá de 3-4x/semana no mínimo e sempre aumente suas cargas. Se você mantém a mesma carga por meses, seus músculos ficarão iguais por meses, então, se quer mais músculos, coloque mais carga (claro, sempre aumentando aos poucos para não ganhar lesões);
3- Coma logo após os treinos
O hábito de treinar e não comer nada em até 1 hora é um perigo para quem deseja melhores resultados. Após o treino o organismo está debilitado e necessita de uma reposição rápida de vários nutrientes, então, se você o deixa sem alimentos, ele poderá buscar reservas do corpo (o alvo pode ser a proteína dos seus músculos). Então, logo após treinar, realize uma suplementação adequada ou uma refeição completa;
4- Aumente o consumo de proteínas magras(nada de excessos)
As proteínas são nutrientes essenciais para o ganho e manutenção da massa magra, então, capriche no consumo delas, desde que sejam na versão magra. Exemplos: peito de frango, peito de peru, atum, queijo branco, leite ou iogurte desnatado, whey protein, peixes, ovos, etc.;
5- Consuma carboidratos de baixo índice glicêmico
Por demorarem mais para virar glicose sanguínea, carboidratos de baixo índice glicêmico são excelentes para repor sua energia, glicogênio e não causar picos de insulina no sangue (evitando assim acúmulo de gordura). Então consuma mais cereais integrais e frutas com casca;
6- Não fique muito tempo sem comer
Passar mais do que 3 ou 4 horas sem comer, pode aumentar o acúmulo de gorduras no corpo e também deixar seu metabolismo mais lento, então, corte esse hábito fazendo de 5-6 refeições ao longo do dia. Nunca saia sem tomar um bom café da manhã e nunca durma sem ter feito uma refeição leve rica em proteínas e gorduras boas.

Referências Bibliográficas:
KLEINER, Susan M.; GREENWOOD-ROBINSON, Maggie. Nutrição para o treinamento de força. São Paulo. Editora Manole, 2002.

BIESEK, Simone; GUERRA, Isabela, ALVES, Letícia Azen. Estratégias de nutrição e suplementação no esporte. Editora Manole, 2005.

sábado, 23 de julho de 2011

GENGIBRE PARA SAÚDE E BELEZA

 


Funções:
Antiinflamatória
Antibacteriana
Antisséptica
Antioxidante
Antidepressiva, "turbina", o ânimo
Melhora a circulação sanguínea
Previne coágulos
Contra náuseas, gases
Cicatrizante


E O TÃO ESPERADO EFEITO TERMOGÊNICO, QUE ACELERA O METABOLISMO QUEIMANDO AQUELAS GORDURINHAS.  


Por isso use(nada de excessos), pois ele faz bem a sua beleza e saúde quando usado adequadamente!!!


Receitinhas de chá de gengibre:

1°Receita

1 pedaço de 5 cm de raiz gengibre
¼ de limão
½ litro de água
1 pau de canela

Modo de Preparo
Faça um suco de gengibre e limão. Coloque o suco em uma panela (de inox) e acrescente a água e a canela. Ferva em fogo brando.

2°Receita

 ½ litro de água ao fogo (nada de muito quente, o gengibre perde parte das propriedades se muito quente, temperatura que você coloca o dedo na água sem incômodo).
2 colheres (sopa) do gengibre cru ralado(Despeje a água sobre ela)
Tampe e deixe em repouso por cerca de dez minutos.
  
Tome a bebida 5 vezes ao dia(meio litro equivale a 5 xícaras)

3°Receita

1 colher de chá de gengibre ralado
1/2 pimenta dedo de moça
250ml de água
Ferva em fogo brando, depois desligue a acrescente o suco de 1 limão


Para um resultado legal é importante a constância e não o uso esporádico, e adoce somente com adoçante sucralose, stévia ou agave.  

  


quarta-feira, 20 de julho de 2011

MASTIGAÇÃO

O tempo e a forma de mastigar os alimentos podem influenciar na quantidade de comida ingerida

  A pressa no dia-a-dia pode ser estendida também no momento das refeições e fazer muitas pessoas comerem rapidamente e, provavelmente, mais do que deveriam. A calma e a tranquilidade no momento da alimentação são fundamentais para não apressar nem exagerar nas garfadas.

Um estudo realizado pela Universidade Oxford Brookes, na Inglaterra, mostrou que quem mascava cada porção 35 vezes comia menos do que os que mastigavam os alimentos apenas dez vezes.

A maneira como a comida é distribuída na boca no momento de mastigá-la também interfere no apetite. Mastigar apenas de um lado da boca, por exemplo, levaria a menor saciedade.

Para ajudar a controlar o apetite e aumentar a saciedade, possibilitando a diminuição na quantidade de alimentos ingeridos, confira algumas sugestões:

Não apresse as garfadas. Procure fazer um intervalo de cerca de 20 segundos entre uma garfada e outra;

tente escolher as versões mais sólidas dos alimentos para prolongar a mastigação;

dê preferência a grãos integrais, que demandam mais tempo de mastigação e proporcionam mais saciedade;

distribua o alimento nos dois cantos da boca;

evite fazer outras atividades no momento das refeições.

Fonte: PubMed, Revista Saúde, ClicRbs, Unimed site

terça-feira, 19 de julho de 2011

Nutrigenética e Nutrigenômica - Minha Paixão




 Nutrigenética
 Os efeitos da variação genética(base genética determinando resposta metabólica e a predisposição genética para doenças) na interação dieta-doença é estudado pela nutrigenética, está área permite a “identificação e caracterização do gene relacionado ou até mesmo responsável pelas diferentes respostas aos nutrientes. O propósito da nutrigenética é criar uma recomendação que possa apresentar os riscos e benefícios do consumo de dietas específicas ou componentes dietéticos para cada indivíduo (ORDOVAS; MOOSER, 2004)
Nutrigenômica
A nutrigenômica investiga a regulação genética pela alimentação, demonstrando a forma como os nutrientes interagem com o genoma, modificando a expressão de determinados genes (BAGCHI et al., 2010). Portanto, seu foco de estudo baseia-se na interação gene-nutriente, que pode ocorrer de duas formas: nutrientes e compostos bioativos dos alimentos (CBAs) que influenciam o funcionamento do genoma e variações no genoma que influenciam a forma pela qual o indivíduo responde à dieta. Podendo os nutrientes e compostos bioativos dos alimentos (CBAs) desencadearem efeitos moleculares, benéficos ou não ao organismo, dependendo de quais genes apresentam sua atividade alterada(FIALHO et al, 2008).
Antigamente o que tínhamos era o estabelecimento de recomendações nutricionais com base na análise da ingestão de nutrientes a partir de uma população sádia, portanto está ferramenta embora ainda muito usada não é considerada precisa, não atende a individualidade biológica e bioquímica existente em cada individuo, com isso a nutrigênomica chega abordando uma alimentação mais personalizada baseada no DNA, representando uma alternativa promissora para o estabelecimento de recomendações nutricionais mais direcionadas para promoção da saúde, mas para isso se tornar uma realidade ainda existem desafios a serem superados.
Segundo Ong e Rogero (2009), exemplos desses desafios “incluem elucidar o impacto na saúde de milhões de polimorfismos de nucleotídeos únicos, (SNPs do inglês single nucleotide polymorphisms) distribuídos nos cerca de 25.000 genes do genoma humano, bem como caracterizar a ação molecular de nutrientes e compostos bioativos dos alimentos (CBAs). Para que isso aconteça pesquisas nutrigenômicas deverão ter enfoque integrado e multidisciplinar, que leve em conta aspectos que vão dos genes à saúde publica.
 Na realização de tais pesquisas a nutrigenômica é favorecida pelo surgimento e desenvolvimento das ferramentas ômicas que apareceram em consequência ao  Projeto Genoma Humano.
Alguns autores definem, inclusive, nutrigenômica como a aplicação de ferramentas de genômica funcional na área da nutrição. Dentre essas, destacam-se as que possibilitam a análise do transcritoma (transcritômica), proteoma (proteômica) e metaboloma (metabolômica) Diferentemente do genoma (conjunto do material genético), que se modifica lentamente, ao longo de gerações, o transcritoma, o proteoma e o metaboloma (conjunto em um dado momento de transcritos, proteínas e metabólitos, respectivamente) sofrem alterações constantes, em resposta a diferentes fatores ambientais, incluindo a alimentação. (FIALHO et al, 2008)
Ou seja, seguindo este sentido constatamos que “o mais importante é que a genômica nutricional permitirá cruzar a informação genômica individual com a alimentação e os componentes dos alimentos, de modo que o efeito seja muito positivo para a saúde. Não sendo necessário milhões de dólares para chegar a esta conclusão, mas a ciência da nutrição ainda desconhece a forma com que o organismo reage ao nível molecular individual. Então a nutrigenômica está encarregada de descobrir (ORDOVAS e CORELLA, 2004).
E cada descoberta será um passo para “ bloqueiar a expressão de enfermidades metabólicas como diabetes, obesidade, dislipidemias e certos tipos de câncer”.(PISABARRO,2006) entre outros, sendo este o objetivo final de todas as analises.

Fonte: parte do meu artigo de Pós-graduação

quinta-feira, 14 de julho de 2011

REPORTAGEM NO SUPERMECADO



A reeducação alimentar começa na escolha dos alimentos, aí segue algumas dicas que irão ajudar.... 
Aproveitem!!!

terça-feira, 12 de julho de 2011

MALTODEXTRINA PARA ENERGIA


A maltodextrina é um carboidrato proveniente  do amido do milho, é um hidrato de carbono complexo, possui cadeias de 3 a 19 moléculas de glicose enquanto o amido possui cadeias de centenas ou milhares de moléculas de glicose, por isso é muito usada na fabricação de alimentos diet, ela é um carboidrato que utiliza apenas as enzimas da borda em escova para digestão devido a esse fato também é indicada para dietas hospitalares(enteral), ou seja possui uma digestão diferenciada aos outros carboidratos.

A maltodextrina acaba sendo metabolizada gradativamente, fato que nos fornece energia durante uma atividade física que necessita de resistência ou longa duração.

É muito utilizada tanto em esportes  aeróbicos(corrida) como em esportes anaeróbicos(musculação), repõe o glicogênio muscular perdido e garante o transporte de nutrientes como whey protein e creatina  para dentro das células musculares devido ao pico de insulina causado pelo seu  índice glicêmico.

sexta-feira, 8 de julho de 2011

FUNÇÕES DO CROMO NO ORGANISMO


Funções no organismo:
Redução da glicemia
Melhora o metabolismo lipídico
Aumento dos receptores de insulina na membrana plasmática
Regulação da expressão gênica
Redução dos níveis de colesterol LDL(colesterol ruim), e aumento do HDL(colesterol bom)
Componente ativo "fator de tolerância a glicose"- GTF

Alguns dos sinais e sintomas da falta de cromo no organismo:
Diabetes, resistência a insulina, síndrome metabólica
Fadiga, Acne
Níveis aumentados de triglicerídeos e colesterol
Confusão mental
Vontade de comer muito açúcar, alteração de humor
Dificuldade na perda de peso

Fonte: Palestra Assistida

domingo, 3 de julho de 2011

COMO DIMINUIR A INFLAMAÇÃO SILENCIOSA


   A inflamação crônica de baixo grau pode permanecer de forma latente por vários anos sem o individuo perceber ou manifestar algum problema. Até recentemente pesquisadores descobriram que várias doenças como diabetes, doenças cardiovasculares, alzheimer estão relacionadas com o estado inflamatório. 

   Por isso evite alimentos que aumentam a inflamação como: carne vermelha(rica em ácido araquidônico pré-formado que aumenta o PG-E2, que é pró-inflamatório), açúcar, álcool, carboidratos de elevado índice glicêmico(como doces, produtos com farinha de trigo refinada), e consuma os alimentos que reduzem a inflamação como: chá verde, carboidratos de baixo índice glicêmico(como integrais), peixes de água doce, açafrão da índia(curcumina), pimentas vermelhas(capsaicina), gengibre,rosmarino, suplementos de ômega 3(como o óleo de peixe).

Como acontece o processo metabólico dos ÁCIDOS GRAXOS ESSENCIAIS

ÁCIDO GRAXO ÔMEGA 3

O ALA(ácido alfa-linolênico) sofre influência da desaturase(uma enzima), formando EPA(ácido eicosapentaenóico), podendo formar PG-E3(que tem ação antiinflamatória) pelo ciclo-oxigenase, ou o EPA gerando DHA(ácido docosahexaenóico), que forma a PG-E3, pelas duas vias tanto o EPA direto ou o DHA vão gerar o PG-E3, por isso quando comprar um suplemento com ômega 3 é importante que ele contenha  mais EPA em relação ao DHA para um resultado mais rápido.

ÁCIDO GRAXO ÔMEGA 6

O Àcido linoléico, sofre influência da desaturase(a desaturase pode ser bloqueada por gorduras trans, excesso de álcool), formando GLA(ácido gama-linolênico), que sofre ação da elongase formando DGLA(ácido dihomo-gama-linolênico), que forma PG-E1(que é antiinflamatório), ou pode sofrer ação de açúcar e alimentos com elevado índice glicêmico podendo formar AA(ácido araquidônico) que forma PG-E2 que é pró-inflamatório, essa formação do DGLA em AA pode ser evitada com EPA e DHA(presente no óleo de peixe-ômega 3).


Fonte: Ray Kurzweil, Terry Grossman, M.D.

sábado, 2 de julho de 2011

INHAME

O inhame ameniza cólicas menstruais e outros sintomas da TPM e menopausa
Reforça as defesas do organismo e  estimula a libido e fertilidade, o poder do inhame em aumentar a fertilidade se dá através do fito-hormônio diosgenina, que, no organismo, é transformado em outra substância chamada desidroepiandrosterona (DHEA), que atua na formação de outros hormônios no organismo.
Tem ação anti-inflamatória, deixando o organismo menos suscetível ao acúmulo de líquido e toxinas, consequentemente diminui a celulite e as gordurinhas.

Porém o seu consumo não deve ser menor que 3 vezes por semana para que realmente tenha o seu efeito desejado, podendo substituir o pão do café ou o arroz do almoço

quinta-feira, 30 de junho de 2011

O CONSUMO IDEAL DE CARBOIDRATOS



Quando falamos de perder aquela gordura abdominal sempre nos vem a preocupação com carboidratos(chocolates, massas, arroz, batatas...), mas o que garante o seu êxito não é a eliminação de todos os tipos de carboidratos da dieta, e sim a eliminação de carboidratos de carga glicêmica alta. O termo índice glicêmico refere-se à velocidade à qual o alimento se converte em glicose no sangue.

Por isso é importante entender que o açúcar de mesa e outros açúcares simples transformam-se quase que instantaneamente em glicose no sangue, e são considerados de alto índice glicêmico, 1 colher de sopa de açúcar possui 76 kcal, valor maior que a calória de uma fruta média (alguns tipos claro).

E quanto maior o pico ou índice glicêmico maior a chance de acumular gordura abdominal. Por isso evite alimentos com alto índice glicêmico durante  o dia, e quando consumi-los consuma com moderação, ou agregue outro tipo de alimento que altere o seu índice glicêmico, para isso consulte uma nutricionista.

quarta-feira, 29 de junho de 2011

PROPRIEDADES DO ÓLEO DE COCO


Auxilia a melhora em problemas gástricos e intestinais, além de promover uma melhora na absorção de nutriente;
Previne a HIPOGLICEMIA(queda de açucar no sangue);
Possui ação ANTI-OXIDANTE , realiza combate aos radicais livres, que são os responsáveis pelo envelhecimento cutâneo(da pele);
Melhora na absorção de vitamina E, que é uma vitamina que também atua combatendo os radicais livres;
Auxilia no emagrecimento, aumentando o metabolismo basal e reduzindo o apetite, sem contar que sua absorção não precisa de enzimas, sendo rapidamente utilizada pelo nosso organismo, não ocorrendo depósitos de gordura, redução da gordura abdominal.
Auxilia no ganho de massa muscular;
Auxilia nos níveis do colesterol;
Auxilia no funcionamento da tireóide; 
Melhora no sistema imunológico, possui ação antibacteriana, antiviral e antiprotozoaria;
Redução do risco de desenvolver doença aterosclerótica;
Auxilia no combate á Síndrome da Fadiga Crônica e da Fibromialgia


Veja  receita com o óleo de coco no tópico Receitas

domingo, 26 de junho de 2011

Por que sentimos vontade de comer a noite?




A compulsividade de comer a noite, pode ocorrer devido a diminuição dos níveis de serotonina no final do dia. A sua produção cai gerando fome e nada do que se come se torna satisfatório.

A serotonina ou 5-hidroxitriptamina(5-HT) tem um papel importante em situações fisiológicas e fisiopatológicas, como as relacionadas com o SNC(sistema nervoso central), sendo elas a regulação do sono, apetite, ansiedade, temperatura corporal, atividade motora, aprendizagem, memória e ritmo biológico.

Notavelmente, vários estudos atuais demonstram que a ação da serotonina parece estar envolvida com a conduta compulsiva-obsessiva, desordens afetivas, depressão, síndrome do pânico, ansiedade, agressividade, nervosismo, fadiga, mau humor, tensão pré-menstrual entre outras.

Dentro da visão nutricional a síntese de serotonina, pode ser modulada por meio de  macronutrientes(carboidratos e aminoácidos isolados, com foco principalmente no triptofano) e micronutrientes(vitamina B12, magnésio, B6 e B9).

Sabemos que cerca de 90% a 95% da serotonina é produzida no intestino e em torno de 5% pelo cérebro, destes 5 %  temos 2 % livre circulante, porque ela é um neurotransmissor altamente vasoconstrutor.


Portanto, usar alimentos que ocupam o seu tempo e mastigação é uma boa estratégia para driblar as consequências, exemplo semente de abóbora: rica em magnésio “que fala para o seu cérebro para você ter calma nas decisões”, é uma ótima opção.

Usar frutas ricas em fibra solúveis(proporciona sensação de saciedade, devido a formação de um gel que auxilia na redução do açúcar pelo sangue) e baixas em açúcar como: ameixa, morango, tangerina, goiaba( também atua nas papilas gustativas, fechando-as), ou ainda uma receita rica em fibras solúveis chamada chutney que pode tirar a vontade de comer com 1 colher de sopa e água bastante água(ver receita na página: Receitas).

Mas não só a queda de serotonina seria a causa, deixar que o açúcar no sangue suba e desça rapidamente também pode levar a essa compulsão alimentar, por isso:

Não coma isoladamente frutas como:
Mamão, abacaxi,maçã, banana muito madura entre outras
Essas frutas devem acompanhar de castanhas, aveia, linhaça, gergelim, quinoa entre outros.

Os alimentos fonte de serotonina são: abacaxi, banana, ameixa, kiwi, tomate, abacate, tâmara. 

Outros fatores relacionados podem ser ainda deficiência de cromo (o solo do Brasil é pobre em cromo), inflamação, toxinas entre outros, por isso:

SÓ NÃO CONSEGUE, QUEM DESISTE!

sexta-feira, 24 de junho de 2011

PRIMEIRO PASSO PARA A REEDUCAÇÃO ALIMENTAR

                                                                  Imagem: site


Bom dia, boa tarde e boa noite a todos


Segue a primeira dica: O primeiro passo para a reeducação alimentar é comer de 3 em 3 horas, isso ajudará a manter ou acelerar a sua taxa metabólica basal (que é a caloria que você perde sem a atividade física).
Comer de 3 em 3 ou 2:30 em 2:30 horas é muito importante,  não pule as refeições você pode comer muito na próxima refeição, além de que o seu metabolismo passa por mudanças graves que podem ocasionar a quebra de massa magra e o acúmulo de gordura.
Quando comemos poucas vezes ao dia  o nosso organismo, começa a acumular energia em forma de gordura(nos tecidos adiposos), isso porque a nossa “maquinaria biologia” foi feita para se adaptar a períodos de escassez de alimentos. Antigamente não tínhamos o alimento de forma tão acessível, e se não fosse essa adaptação seria difícil a nossa sobrevivência.


Benefícios para quem conseguir fazer o primeiro passo:
Pouca fome e uma sensação maior de saciedade
Metabolismo acelerado
Melhora do humor e das atividades físicas
Corpo mais definido
Maior ganho de massa muscular
Menor acúmulo de gordura
Saúde equilibrada
Mas lembre-se não coma em excesso, amanhã teremos dicas para ajudá-los nessa tarefa.


quinta-feira, 23 de junho de 2011

GORDA OU MAGRA



Ser gorda ou magra?

Padrões de beleza, mídia, fotos, revistas, reportagens, tudo indica o padrão de beleza que você deve ter, mas cuidado. Olhe para dentro de você e veja muito mais que um corpo ou um objeto de imagem. Você é muito mais valiosa(o) do que isso. Por isso te pergunto, até onde vai a sua vaidade?
Usar remédios sem o conhecimento do seu médico para alcançar o seu objetivo a qualquer preço, fazer cirurgias plásticas desnecessárias e dietas desequilibradas, não entre nessa , nada melhor que a reeducação alimentar, um bom profissional para te ajudar, sempre procurando o equilíbrio nutricional, por isso acompanhe a(o) sua(seu) nutricionista nessa aventura alimentar.
Aproveite o site, te desejamos saúde, ótimos e duradouros resultados....